Dor pélvica ou \

Pulsação no abdômen inferior durante a gravidez

Em nossa conversa de hoje, vamos prestar atenção às jovens mães primíparas que estão muito preocupadas com a segurança de seus futuros bebês. O próprio processo de gravidez é repleto de tantas experiências que as manifestações mais simples desse período podem se transformar em forte estresse.

Cuidando da saúde, emocional, física e mental, hoje queremos revelar segredinhos que vão dar às meninas, em uma posição interessante, mais confiantes e calmas. Será sobre um fenômeno como a pulsação no baixo ventre durante a gravidez. Parece, bem, que assunto, mas muitas primíparas ficam muito preocupadas se o sentem dentro de si.

É bom se houver uma mulher experiente por perto e lhe disser como perceber essa manifestação, ou a mamãe irá deliberadamente recorrer ao médico observador para obter explicações. Para o resto, conduziremos um pequeno programa educacional .

Conteúdo do artigo

Médicos afirmar

Pulsação no abdômen inferior durante a gravidez

Aqueles que estão fortemente associados à obstetrícia classificam a pulsação na parte inferior do abdome como os primeiros sinais de gravidez e como um indicador cem por cento de vida nascente.

Sem questionar a opinião profissional, queremos acrescentar que, em princípio, a pulsação no estômago sempre existe.

É que nem todos prestam atenção a esse fato, mas confirma que o sangue é bombeado pela veia genital (pudenda interna, não confundir com veia cava!).

Meninas que estão ativamente envolvidas em esportes ou estão em tensão nervosa prolongada podem sentir mais claramente após o esforço. O fato é que a veia é pinçada e a sensação de contração espasmódica dá um efeito pulsante. Sem dor, não deve ser motivo de preocupação.

Se a dor estiver presente e não desaparecer com o relaxamento geral do corpo, é melhor consultar um médico com urgência para prevenir um aneurisma da aorta interna. Mas hoje estamos falando de mulheres grávidas e revelamos como os tremores pulsantes são transferidos pelo corpo do bebê. As mães jovens devem se preocupar se sentirem pulsação na parte inferior do abdômen nos primeiros estágios da gravidez?

Sentir o pulso não é uma frase!

Não se deve argumentar que absolutamente todos deveriam sentir a pressão na veia genital, já nos estágios iniciais. Basicamente, esse fenômeno é mais permissível próximo ao quarto mês, quando o útero começa a aumentar de tamanho e pressiona o sanguevaso axial.

Apenas em dois casos, você pode sentir os tremores do sangue nos primeiros estágios da gravidez:

  • quando uma jovem mãe carrega um bebê grande;
  • caso sejam esperados gêmeos ou trigêmeos.

A propósito, o próprio óvulo fertilizado, uma vez no útero, será persistentemente implantado no endométrio e fixado nas paredes. É nesse período que o futuro embrião é um parasita que precisa receber nutrição do corpo da mãe. Se tudo estiver em ordem e o corpo não rejeitar o feto, começará a buscar fundos para alimentá-lo, o que levará ao aumento da circulação sanguínea. Então certamente haverá uma pulsação, como primeiro sinal de gravidez.

Opiniões e rumores

Pulsação no abdômen inferior durante a gravidez

Muitas mulheres grávidas, por algum motivo, decidiram que pequenas contrações musculares indicam soluços do bebê. A propósito, isso é bem possível, mas neste caso, você deve prestar atenção à frequência. Quando o feto cresce um pouco, começa a aprender a respirar e engolir. No processo de estudo, o bebê absorve certa quantidade de líquido amniótico, o que provoca pulsação na parte inferior do abdômen durante a gravidez.

Se os soluços ocorrerem com muita frequência ou se continuarem por muito tempo, é melhor consultar um médico, pois este é o primeiro sinal de que o bebê não está recebendo oxigênio suficiente.

Não negligencie esta visita ao ginecologista, porque você pode proteger seu feto de problemas durante o parto.

Algumas mulheres em trabalho de parto não distinguem entre soluços e movimentos fetais, devido a mudanças nos níveis hormonais e alteração de todos os tipos de sensações. Mas esses são conceitos e processos completamente diferentes, de modo que, muito provavelmente, a pulsação fala da compressão de um grande vaso sanguíneo genital. Aumentar a massa do bebê contribui para todos os prazeres e manifestações acima.

Como faço para parar a ondulação?

Embora geralmente não cause problemas e indique um curso normal da gravidez, algumas mulheres jovens em trabalho de parto querem enfraquecer essa contração muscular.

Portanto, aqui estão algumas diretrizes:

  • não deite de costas para não aumentar a carga na veia comprimida;
  • monitore a reação do corpo e o estado de suas veias nas pernas;
  • descanse sobre o lado esquerdo com uma toalha enrolada ou almofada entre as pernas;
  • caminhe pelo menos meia hora por dia, ou seja, faça caminhadas que evitem a ocorrência de inchaço excessivo;
  • rastreie a dor na parte inferior do abdômen ou a frequência da tontura que ocorre;
  • preste atenção às diferentes contrações ao determinar o local, porque é possível que toda a barriga esteja se movendo, o que é uma história completamente diferente.

Como você pode ver, não há nada terrível ou perigoso nessas manifestações de um corpo grávido, então você não deve ficar chateado e inventar horrores fatais. A mamãe mais calma fica durante o períodogestação, mais saudáveis ​​e calmos seus bebês ficam depois. Não se esqueça de seguir todas as prescrições do tratamento e observação da gravidez, médicos, ir ao ultrassom na hora certa para prevenir quaisquer anomalias doentias.

Remoção de preocupações desnecessárias

Pulsação no abdômen inferior durante a gravidez

Esperamos que a informação apresentada esteja disponível, reduza ou remova completamente a excitação das primíparas, sobre a contração do tecido muscular no abdômen inferior. É bom que essas informações ajudem algumas meninas a facilitar a gravidez ou a prevenir o desenvolvimento de hipóxia em bebês ainda não nascidos.

Se uma pessoa sabe, ela não tem mais medo, como os antigos sábios disseram.

Portanto, soluços, meneios ou batidas falam apenas do desenvolvimento normal e correto do embrião intra-uterino, um pequeno, mas já amado e esperado parasita .

É claro que, quando as meninas dão à luz pela segunda vez, elas se lembram de seus primeiros medos e preocupações com um leve sorriso. Por meio da pulsação, o bebê começa a se comunicar com a mãe, nos estágios iniciais, e mesmo assim você pode conversar com ele e transmitir o seu amor. Descubra mexendo com o que ele gosta, lembre-se - desde as primeiras semanas ele fica feliz em ouvir você. Cuide de sua própria saúde, pois você precisará de muita força nos próximos anos.

Mas os médicos sempre dizem que é melhor prevenir do que curar, então aproveite o conselho que, com os melhores votos de saúde e paz, damos neste artigo.

Exame Abdominal | Semiologia do Abdome

Postagem anterior Não vão, meninas, casem ...
Próxima postagem Velas de orelha: sua ação e recursos de aplicação